/, Tecnologia/Nasa descobre 10 novos planetas que podem abrigar vida

Nasa descobre 10 novos planetas que podem abrigar vida

A NASA descobriu 219 novos exoplanetas (nome dado aos planetas que orbitam estrelas diferentes do Sol), que são planetas fora do sistema solar. Destes, 10 têm a possibilidade de ser habitáveis, pois não estão nem muito longe de sua estrela hospedeira (muito gelado), e nem muito perto dela (muito quente), fazendo com que haja a possibilidade de existir água líquida em sua superfície.

De acordo com a NASA, a descoberta foi realizada graças aos resultados mais recentes do telescópio espacial Kepler, que faz sua oitava missão. Este catálogo, fruto de medições altamente precisas, é a base para responder a uma das perguntas mais interessantes da astronomia: Quantos planetas há como a Terra em nossa galáxia?

Este é o oitavo catálogo de candidatos a exoplanetas, identificados pelo telescópio espacial Kepler e divulgado pela NASA desde o início da missão. Ele foi feito a partir de dados coletados durante os quatro primeiros anos de atividade do telescópio, de 2009 a 2013. Neste período, o equipamento captou informações da região da constelação do Cisne, no hemisfério celestial norte. Segundo os astrônomos da agência espacial americana, o novo catálogo de exoplanetas é o mais “compreensível e detalhado” já feito.

Tecnologia da NASA

Para encontrar os planetas, o telescópio espacial volta suas lentes para as estrelas da Via Láctea, buscando por um fenômeno chamado trânsito. Como os próprios planetas não possuem brilho, cada vez que o instrumento capta uma diminuição da luminosidade da estrela, significa que algum objeto está passando na frente dela. Assim, ao captar uma sombra na luz da estrela, Kepler identifica um possível planeta.

A NASA estima que o telescópio tem combustível suficiente para permanecer ativo em 2018.

Até então, a agência espacial espera estar pronta para lançar o “Transiting Exoplanet Survey Satellite”, que buscará planetas pequenos em torno das estrelas mais brilhantes do céu e o Telescópio Espacial James Webb, projetado para detectar atmosferas em outros planetas. Essas novas tecnologias poderão detectar planetas em movimento em torno de estrelas distantes.
Fontes: Veja e Jornal do Brasil

Por | 2017-08-03T22:32:52+00:00 agosto 10th, 2017|Ciência, Tecnologia|0 Comentários

Sobre o Autor:

A ECO Educacional foi criada em 2006 com o objetivo de desenvolver e fornecer equipamentos didáticos e periféricos, implantar infraestrutura em laboratórios e realizar cursos laboratoriais.

Atuamos em instituições privadas ou públicas de ensino técnico ou superior que ministrem disciplinas experimentais, laboratórios e centros de pesquisa.

Deixe um Comentário