Presença constante nas aulas de química, a tabela periódica acaba de sofrer modificações importantes. Em novembro, a União Internacional de Química Pura e Aplicada aprovou o nome de quatro novos elementos que vão integrar a tabela a partir de agora.

Três deles, Tennessine, Nihonium e Moscovium, foram nomeados com base nos locais nos quais foram descobertos: Tennessee, Nihon e Moscou respectivamente. Já o quarto elemento, Oganesson, recebeu seu nome em homenagem ao cientista nuclear russo Yuri Oganessian.

Com a adição desses novos elementos, que receberam os números: 113, 115, 117 e 118, descobertos por cientistas russos, japoneses e americanos, agora a sétima fileira da tabela periódica está completa.

Fonte