/, Sem categoria/Quem inventou o biquíni?

Quem inventou o biquíni?

O biquíni é um conjunto de duas peças, derivadas do maiô, de tamanhos reduzidos, que cobrem o busto e a parte inferior do tronco. Seu nome deriva da ilha de Bikini, usada para testes com bombas nucleares. Então, o estilista frânces Louis Réard, inventor do biquíni, deu o nome da ilha à sua invenção por também ser um fato tão explosivo quanto uma bomba.

O primeiro traje de banho do mundo foi criado em 1946 e causou um escândalo, sendo até condenado pelas autoridades religiosas e proibido em muitos países.

Quem usou o biquíni pela primeira vez

Micheline Bernardini foi a primeira mulher a desfilar com o traje, na borda de uma piscina pública de Paris, no dia 5 de julho de 1946. Ela era bailarina e pousava para revistas, pois Réard não conseguiu que nenhuma modelo aceitasse usar um traje de banho tão pequeno, visto que na época mostrar o umbigo era inaceitável.

Essa resistência não durou muito. Em 1956, o cinema americano aderiu à novidade no filme “E Deus criou a mulher”. A atriz Brigitte Bardot demonstrou todo o potencial e poder do biquíni exibindo um modelo xadrez de babadinhos que fez o maior sucesso. Desde então, o biquíni teve um verdadeiro “boom”.

História do biquíni no Brasil

No Brasil, o biquíni começou a ser usado no final dos anos 50. Primeiro, pelas bailarinas e depois pelas mulheres mais ousadas a aderir ao traje. Uma das aparições mais famosas nas areias daqui foi da atriz Leila Diniz, que ostentou sua gravidez de oito meses na praia de Ipanema usando um biquíni. A imagem se tornou símbolo da liberação feminina nos anos 70.

Helô Pinheiro, a eterna “garota de Ipanema”, também fez história na moda praia desfilando no calçadão com seus biquínis nos anos 60.

Por | 2016-01-29T15:16:54+00:00 janeiro 29th, 2016|Invenção, Sem categoria|0 Comentários

Sobre o Autor:

A ECO Educacional foi criada em 2006 com o objetivo de desenvolver e fornecer equipamentos didáticos e periféricos, implantar infraestrutura em laboratórios e realizar cursos laboratoriais.Atuamos em instituições privadas ou públicas de ensino técnico ou superior que ministrem disciplinas experimentais, laboratórios e centros de pesquisa.

Deixe um Comentário