/, Sem categoria/Excesso de atividades pode sobrecarregar as crianças

Excesso de atividades pode sobrecarregar as crianças

A grande variedade de atividades disponíveis fora do horário regular de aulas pode levar a uma interpretação equivocada por parte das famílias – a de que crianças e adolescentes necessitam do maior número possível de tarefas extraclasse para se desenvolverem de forma plena. Às vezes, inclusive, os filhos estão sobrecarregados e ninguém percebe. Cansaço contínuo e dificuldades na escola podem ser efeitos indesejados desse excesso de responsabilidades.

Para Denise Arina Francisco, professora do curso de Pedagogia da Universidade Feevale e orientadora educacional na rede municipal de ensino, os pais devem, em primeiro lugar, conversar com os filhos para conhecer seus desejos e preferências. A partir daí, é possível chegar a uma decisão com base em mais fatores.

Confira outras dicas da professora:

– A imposição não é a maneira mais adequada de convencimento. A argumentação, aliada ao gosto da criança ou do adolescente, oportuniza uma decisão em comum acordo.

– Necessidades específicas, como a realização de um esporte caso o filho seja sedentário, exigem medidas mais enérgicas. Fazer algum tipo de atividade coletiva quando ele apresenta dificuldade de socialização contribui para o desenvolvimento.

– Para crianças em idade de Educação Infantil, é preciso buscar atividades voltadas à ludicidade, aprendizagem de uma segunda língua, recreação, arte, música, dança.

– No Ensino Fundamental, deve-se priorizar atividades relacionadas a esportes (em suas diversas modalidades), línguas estrangeiras, informática.

– No Ensino Médio, é importante privilegiar atividades que proporcionem relaxamento, principalmente quando o adolescente está em fase de preparação para concursos vestibulares. Nesse caso, dança, yoga e atividades afins ajudam, inclusive, na concentração nos estudos.

– Se a criança ou o adolescente quer desistir ou se recusa a fazer alguma atividade, deve-se tomar algumas medidas: verificar se ele está sendo sobrecarregado durante a jornada semanal; conversar sobre o motivo do desinteresse; comparecer à instituição para conversar com o coordenador da atividade.

– Encontrar a dose certa de tarefas extracurriculares pode levar um tempo, mas os pais devem sempre ter em mente que as atividades devem contribuir para o desenvolvimento e não ser um fardo para os filhos.

Fonte

Por | 2015-11-27T14:48:59+00:00 novembro 27th, 2015|Educação, Sem categoria|0 Comentários

Sobre o Autor:

A ECO Educacional foi criada em 2006 com o objetivo de desenvolver e fornecer equipamentos didáticos e periféricos, implantar infraestrutura em laboratórios e realizar cursos laboratoriais.

Atuamos em instituições privadas ou públicas de ensino técnico ou superior que ministrem disciplinas experimentais, laboratórios e centros de pesquisa.

Deixe um Comentário